Presente em todo o Estado

O BDMG está cada vez mais presente em todas as regiões de Minas, oferecendo recursos adequados em custo e prazo para os pequenos negócios; financiando investimentos fixos, como máquinas, equipamentos e instalações, capital de giro e investimentos em modernização e inovação. São recursos próprios, fundos do governo estadual, como o Geraminas, ou repasses do BNDES. Essa vocação está explícita em suas origens, pois, a Lei que instituiu o Banco, em 1962, determinava que a ele caberia a “relevante função no financiamento a médio e longo prazo às pequenas e médias empresas”.

Uma das primeiras ações do BDMG, em 1965, foi repassar recursos provenientes do BNDES através do Programa de Financiamento à Pequena e Média Empresa (Fipeme). E, em 1971, em Montes Claros, participou da criação do Núcleo de Assistência Industrial (NAI), que antecedeu ao Núcleo de Assistência Empresarial (NAE), abrangendo todos os tipos de negócios.

Programa de Apoio à Microempresa (Promicro), operado a partir do final de 1978, já adotava modelos de análise das operações específicos paras as pequenas empresas, e exigia a assistência técnica do Ceag-MG. Apenas em 1979, primeiro ano de operação, foram analisadas perto de 350 solicitações de crédito, em 62 municípios. Ao final da década de 1980, as pequenas empresas já representavam 75% dos clientes financiados.¹

IV Plano Mineiro de Desenvolvimento Econômico e Social, para 1984/1987, reafirmou a importância do BDMG no fomento às micro e pequenas empresas. Dessa forma, nos últimos 20 anos, o Banco vem interagindo com muitos Arranjos Produtivos Locais (APL). São concentrações de empresas de um mesmo ramo, em geral pequenas, como as malharias do Sul de Minas, os calçados em Nova Serrana e fundições em Cláudio. Além da oferta de crédito, as APL promovem forte interação de cooperação técnica.

Fonte:

 1 –“BDMG: 30 anos”, 1992, p.123.

 

A empresa Moderna Maquetes, de Nova Lima, recebeu recurso do BDMG para compra de uma máquina de corte a laser. O investimento em tecnologia permitiu agilidade e aumento na produção, além de dobrar o faturamento. 2012. Jornal BDMG. 

Assista a este e a outros Casos de Sucesso aqui, no site do BDMG.


> LINKS RELACIONADOS:

 

Muitas opções para os micro e pequenos negócios

A relevância do agronegócio para Minas e para o BDMG

BDMG opera programa de crédito popular

Entrevista com Marilena Chaves

Entrevista com Teodoro Alves Lamounier

Entrevista com Clélio Campolina Diniz

Entrevista com Fernando Lage de Melo

28/08/2012 08:28
Texto
década de 1960, década de 1970, década de 1980, micro empresa, pequena empresa, APL, Fipeme, Promicro

COMENTÁRIOS (0)


Esta postagem ainda não possui comentários.
Conteúdo enviado por:
Postado em:
28/08/2012

MIDIATECA (319)

MINHA REDE (0)

BDMG ainda não possui usuários em sua rede.

Atenção:

*
Informe uma ou mais mídias que seu comentário contém
*
Para o upload de vídeos sugerimos que seus arquivos sejam carregados em canais como youtube ou vimeo e que você cole os códigos embed no campo abaixo. O upload diretamente em nossa ferramenta é permitido para arquivos nos formatos .flv e .mp4, com tamanho até 60 mb, por meio do ícone .  Para inserir fotos utilize o ícone   e para áudios .


  Tags separadas por vírgula.

Ex: história, acervo, economia

 
Clique no icone para anexar documentos como pdfs e planilhas.