Minas consolida polo automotivo

Cerimônia de Assinatura de contrato com a FIAT. Estão presentes: Fernando Roquete Reis (Secretário da Fazenda), Marcos Vinícius Pratini (Ministro da Indústria e do Comércio), Giovanini Agnelli (presidente da FIAT), Antônio Delfim Neto (Ministro Fazenda), João Paulo Reis Veloso (Ministro do Planejamento), Abílio Machado (Chefe da Casa Civil), Lúcio Assumpção (Presidente do BDMG), Franco Urani (Superintendente da FIAT), Francisco Noronha (Secretário da Indústria e do Comércio). Acervo BDMG.

Merece destaque o esforço empreendido pelo Banco e pelo Instituto de Desenvolvimento Industrial (INDI) na elaboração de monografia sobre Minas Gerais encaminhada à direção da Fiat Automóveis que culminou com a assinatura, em 14 de março de 1973, do Acordo de Comunhão de Interesses para a Implantação de uma Indústria Automobilística em Betim, Minas Gerais. A série de vantagens que o Estado oferecia em termos de localização, apoio institucional, incentivos, terrenos industriais e a sua vocação natural para o fornecimento de matérias-primas básicas utilizadas na produção de automóveis pesou na decisão final dos italianos. Em 1976, a indústria foi instalada no município de Betim.

Visita ao canteiro de obras da Fiat. Acervo BDMG.

Posteriormente, em 1999, por meio de fundos estaduais como o Fundo de Incentivos ao Desenvolvimento (Findes) e o Fundo de Desenvolvimento de Indústrias Estratégicas (Fundiest), em que o agente era o BDMG, o Governo Estadual concedeu financiamentos para a implantação da empresa Mercedes Benz, em Juiz de Fora. Em 2000, o Banco disponibilizou recursos do Findes, geridos pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede), para a implantação da Iveco (subsidiária de veículos pesados do grupo Fiat), em Sete Lagoas.

O Governador Eduardo Azeredo homenageia os representantes da empresa alemã. 1996. Acervo BDMG. 

Atualmente, de acordo com dados do INDI, Minas Gerais abriga o segundo maior parque industrial do País, com destaque para o setor automotivo, representado, sobretudo, pelas empresas acima mencionadas. Os programas Pró-Indústria e Fundiest foram decisivos para que o Estado chegasse a tal posição.

 

LINKS RELACIONADOS

Mineirização da cadeia produtiva de veículos

Investimentos setoriais aumenta receita dos municípios e geram empregos

Investimento estratégico na indústria química e de fertilizantes

Entrevista com José Augusto Tropia Reis

Entrevista com José Lana Raposo

Entrevista com Tadeu Barreto Guimarães

 
20/08/2012 07:49
Texto
Fiat, INDI, Automobilística, Mercedes Benz

COMENTÁRIOS (0)


Esta postagem ainda não possui comentários.
Conteúdo enviado por:
Postado em:
18/08/2012

MIDIATECA (319)

MINHA REDE (0)

BDMG ainda não possui usuários em sua rede.

Atenção:

*
Informe uma ou mais mídias que seu comentário contém
*
Para o upload de vídeos sugerimos que seus arquivos sejam carregados em canais como youtube ou vimeo e que você cole os códigos embed no campo abaixo. O upload diretamente em nossa ferramenta é permitido para arquivos nos formatos .flv e .mp4, com tamanho até 60 mb, por meio do ícone .  Para inserir fotos utilize o ícone   e para áudios .


  Tags separadas por vírgula.

Ex: história, acervo, economia

 
Clique no icone para anexar documentos como pdfs e planilhas.