Diagnóstico aponta novos rumos para a economia mineira

Persistiu, em 1988, a situação crítica da economia brasileira, acentuando-se os reflexos do insucesso da política econômica do Governo Federal, marcada por elevados índices de inflação, descontrole na diminuição do déficit público e de crise fiscal.

Nesse cenário, o BDMG buscou adaptar-se à conjuntura desfavorável do País e do Estado por meio de mudanças que permitissem melhor desempenho em sua tarefa de fomento à economia mineira. E, para direcionar suas ações, o Banco determinou que fosse iniciado um novo Diagnóstico da Economia Mineira.

Nessa mesma linha de análise, foi editada, em 1988, a Carta Econômica do BDMG, com o objetivo de estimular a reflexão e discussão das mudanças na ordem econômico-social por parte dos empresários, autoridades do Governo, professores, estudantes universitários, dirigentes e técnicos da Instituição. Como resultado dos estudos e pesquisas iniciados no ano anterior, foi editado o documento Economia Mineira 1989: Diagnósticos e Perspectivas.

A obra tem cinco volumes. O primeiro volume apresenta Sínteses e Propostas; o segundo enfoca a Indústria; o terceiro, a Agropecuária; o quarto volume aborda o tema Mineração e o último trata de Energia e Transporte, Aspectos Sociais e Regionais.

 

Lançamento do Diagnóstico da Economia Mineira em Brasília, com Iran Pordeus, Carlos Alberto Teixeira de Oliveira e Paulo Brant. 1989. Acervo BDMG.

 

 

Fonte: BDMG - 30 anos. Publicação realizada pelo BDMG, em 1994.


LINKS RELACIONADOS:
 
 
 

 

08/08/2012 08:19
Texto
década de 1980, estudos e diagnósticos, carta econômica

COMENTÁRIOS (0)


Esta postagem ainda não possui comentários.
Conteúdo enviado por:
Postado em:
06/08/2012

MIDIATECA (319)

MINHA REDE (0)

BDMG ainda não possui usuários em sua rede.

Atenção:

*
Informe uma ou mais mídias que seu comentário contém
*
Para o upload de vídeos sugerimos que seus arquivos sejam carregados em canais como youtube ou vimeo e que você cole os códigos embed no campo abaixo. O upload diretamente em nossa ferramenta é permitido para arquivos nos formatos .flv e .mp4, com tamanho até 60 mb, por meio do ícone .  Para inserir fotos utilize o ícone   e para áudios .


  Tags separadas por vírgula.

Ex: história, acervo, economia

 
Clique no icone para anexar documentos como pdfs e planilhas.